Alunos que, em 2007, ajudaram na elaboração

da 1ª e 2ª estrofes deste cordel:

Adilson, Andréia, Ana Carla, Anderson, Bianca,

Daniele Nascimento, Daniele Souza, Eudes, Erika, Emerson,

Felipe Gustavo, Fernanda, Gedeão, Janaína, Jeane,

Joanderson, Juliana Félix, Leonardo Vasconcelos,

Leonardo Nascimento, Letícia Santos, Paulo Victor, Rafaela,

Raysa, Sanderson, Sidney, Railson, Alissom, Rafaelli Rodrigues.

 

Professora: Geane Climaco Vasconcelos

Turma: 4ª série manhã

Escola Municipal Ailton Cavalcanti

Mandacaru, João Pessoa-PB.

 

....................................................................................

 

Nós vamos cuidar das plantas

Para respirar bom ar,

Salvar bichos e florestas

Para a vida melhorar,

Evitar a poluição

E o planeta salvar?

 

Licença caros amigos,

Hoje nós vamos falar

Sobre o meio ambiente,

Que é preciso preservar,

O mundo pede socorro

E nós temos que ajudar.

 

Os cientistas informam

Que a Terra não está bem,

A culpa é do próprio homem

Que não respeita a quem

Lhe fornece moradia

E dá a vida também.

 

O planeta está enfrentando

O Aquecimento Global,

Que põe em risco a todos,

Ninguém está imune do mal,

A coisa é preocupante

E não é nada normal.

 

O problema é causado

Devido à poluição

Da nossa atmosfera,

Já deu na televisão,

E a escola discute

Essa importante questão.

1

 

O Aquecimento Global,

Como a própria expressão diz,

Deixa o planeta mais quente

E a vida por um triz,

Levando a muitas mudanças

Que fazem o povo infeliz.

 

São provocadas catástrofes

Com o clima alterado,

Ondas de calor se espalham,

Desertos são aumentados,

Chuvas fortes em tal canto,

Ciclones num outro lado.

 

E as calotas polares

Já estão se derretendo,

O que faz os oceanos

Sua força ir perdendo,

Avançando às cidades

E a vida comprometendo.

 

Está ocorrendo isso

Em função dos poluentes

Queimados dos combustíveis

Fósseis, especialmente:

O diesel, a gasolina

Que produzem enormemente...

2

 

Gases muito perigosos,

Que geram a poluição:

O monóxido de carbono,

Ozônio e outro vilão

Conhecido gás carbônico

E tantos da relação

 

Produzidos na indústria

Que aqui podemos citar:

O dióxido de carbono,

O metano e sem falar

No gás óxido de azoto

E também é bom lembrar...

 

Um tal de CFC,

Que é muito utilizado

Nos sprays que a gente compra

Até no supermercado,

Este e tantos outros gases,

Causam um problema danado.

 

Pois bem, ao serem lançados

Nos ares, tais poluentes

Formam uma camada que impedem

Que o calor, lá presente,

Seja então dispersado

E quem sofre é a gente.

3

 

Some-se a tudo isso:

Desmatamento e queimadas

Gerando o efeito estufa,

Deixando ameaçada

A vida em todo o planeta,

Nós não vamos fazer nada?

 

Além disso, outro fato

É também preocupante,

As queimadas, os poluentes

Nos ares a todo instante

Ferem a camada de ozônio

E veja o que é resultante:

 

A camada de ozônio

Tem a função de proteger

Todo o planeta Terra

Para ele não receber

Os raios ultra violeta

Que do sol vivem a descer.

 

E então esta camada

Ao sofrer degradação

Não nos oferecerá

A devida proteção,

Surgem o câncer de pele

E doenças da insolação.

4

 

Se o efeito estufa

E o Aquecimento Global

Não forem então combatidos

Nos trarão um grande mal:

O fim da espécie humana,

Da fauna e do vegetal.

 

Os sinais já aparecem:

O aumento de furacões,

Abalo em ecossistemas,

Maremotos e tufões,

Enchentes, desequilíbrios

Que trazem duas questões:

 

Por que estamos destruindo

E para quê preservar?

Destruímos porque nós

Só desejamos lucrar

Sem medir as conseqüências

E sem no amanhã pensar.

 

Contudo a natureza,

Que responde a agressão,

Exige que todos nós

Mudemos de opinião,

Ou nós vamos preservar

Ou entramos em extinção!

5

 

Pra preservar é preciso

Mudar a mentalidade

De um povo que não preserva

Pra uma outra sociedade

Que cuida da natureza

Com racionalidade.

 

Pois é questão de bom senso,

Aliás de inteligência,

Como temos uma casa

E não temos consciência

Que dia-a-dia é preciso

Cuidar da sua aparência?

 

Cuidar do nosso planeta

Exige investimento

Grande em educação

Pra que em todo o momento

Da criança ao idoso

Haja o entendimento...

 

Que urge se reciclar

E também despoluir;

Que é necessário a justiça

Fazer o rico cumprir

As leis que só punem quem

É miserável aqui.

6

 

Enquanto não acontece

De vez tal revolução,

Pra olhar a natureza

E a nossa condição,

Vamos nós de quando em vez

Dá uma contribuição:

 

Vamos plantar muitas árvores

Nos campos e nas cidades,

Vamos votar em políticos

Que tenham dignidade

E que lutam diariamente

Pela biodiversidade.

 

Não vamos demonstrar medo,

Vamos sim, denunciar

Quem polui o ambiente,

Quem vive a desmatar

Ou senão já não teremos

História para contar.

 

Vamos plantar, cultivar,

Vamos cuidar dia-a-dia,

Criar uma geração

Que viva em harmonia

Com os recursos naturais

E que nunca prestigia...

7

 

Ditadores governantes

Que se recusam a assinar

Tratados com o objetivo

De despoluir o ar,

Solo, rio, mar e tudo

Que se precisa cuidar.

 

Se o povo boicotasse

As potências poluentes,

Não usando seus produtos

Que só iludem a gente

Quem sabe fosse possível

Uma história diferente.

 

Se deixássemos de comprar

Frutos da degradação,

Se usássemos a energia

Livre da poluição,

Forçaríamos tais potências

A mudar de posição.

 

Até lá vamos agir

Pro mundo não ter um enfarte,

Lutar por educação,

Fazer da vida a arte

De construir melhorias

Pro homem em qualquer parte.

Fim

8

 

Para comprar e receber este cordel em sua casa, clique aqui.

 

Francisco Diniz

www.projetocordel.com.br

83 8862-8587 (Oi) / 83 9927-1412 (Tim)